Operação Cardeiro: JFPB expede mandados de prisão e de busca e apreensão

19/07/2016 às 16:10

        A Justiça Federal na Paraíba, através da 11ª Vara em Monteiro (PB), expediu dois mandados de prisão preventiva, sete de condução coercitiva, dez de busca e apreensão, três afastamentos de funções públicas, além de medidas de sequestro de bens, na Operação Cardeiro, que visa apurar possíveis desvios de recursos públicos, fraudes em licitações e falsidade ideológica na Prefeitura Municipal de Princesa Isabel, no Sertão da Paraíba.

        Deflagrada na manhã de hoje (19), em ação conjunta do Ministério Público Federal em Monteiro (MPF/PB), Polícia Federal e Controladoria Geral da União (CGU), a Operação cumpriu mandados nas cidades de João Pessoa, Princesa Isabel e no estado de Pernambuco.

        Para a decisão, o Juiz Federal Rodrigo Maia da Fonte destacou a necessidade da colheita de provas, visto que há a suspeita de desvio de recursos públicos federais repassados pelo Ministério da Saúde, por meio do Fundo Nacional de Saúde, no montante de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais), decorrente de procedimentos licitatórios para construções de quatro unidades básicas de saúde e um Centro Especializado de Reabilitação, no município de Princesa Isabel/PB.

 

 

 

 


 Imprimir