Leilão da JFPB arrecada mais de R$ 2 milhões em 1ª data

05/04/2011 às 10:39

Um total de R$ 2.290.200 foi arrecadado durante a 1ª data do leilão judicial unificado realizado pela Justiça Federal na Paraíba, na segunda-feira (4), quando os bens somente poderiam ser arrematados por valor igual ou superior ao da prévia avaliação feita pelo Juízo Federal. Entre os bens arrematados consta uma área de 62 hectares remanescente do imóvel denominado Santo Amaro, localizado na zona rural de Santa Rita (PB), adquirido por R$ 2.221.000. 

Também foi arrematado um lote de terreno do loteamento Sítio Pirineus, no bairro do Alto Branco, em Campina Grande. Através do uso da videoconferência, um arrematante que se encontrava presente no auditório da Justiça Federal em Campina Grande adquiriu uma máquina industrial de corte e costura, vinculada a processo em tramitação na 5ª Vara Federal da capital do Estado.

O leilão judicial unificado reuniu bens relacionados a processos em tramitação na 2ª, 4ª, 5ª e 10ª Varas Federais, com participação de arrematantes, de modo simultâneo, nos auditórios da instituição em Campina Grande e João Pessoa.

            Leilão Eficaz e ArrematarDando continuidade a uma série de medidas tomadas pela JFPB, a fim de tornar o Leilão Eficaz cada vez mais dinâmico, a 2ª data do evento, prevista pra 14 de abril, a partir das 9 horas, vai unificar os projetos da Justiça Federal na Paraíba (Leilão Eficaz) e Justiça do Trabalho (Arrematar), com a realização simultânea do leilão judicial dos dois órgãos, nos auditórios da Justiça Federal em Campina Grande e João Pessoa.

            Nessa ocasião, no tocante à Justiça do Trabalho, serão leiloados apenas os bens relativos à Justiça trabalhista da capital do Estado. Em relação à Justiça Federal na Paraíba, serão leiloados naquela data bens relativos a processos que tramitam em Varas Federais de Campina Grande e João Pessoa.

         O leilão unificado da Justiça Federal na Paraíba segue o modelo do Projeto Leilão Eficaz, lançado pela 10ª Vara Federal campinense, e tem como finalidade possibilitar maior transparência e participação dos arrematantes. Maiores informações sobre o leilão judicial podem ser obtidas através de consulta ao site www.jfpb.jus.br.


 Imprimir