Conciliadora da Justiça Federal na Paraíba é destaque internacional

05/09/2017 às 17:46

Juliana Martins está no 7º período de Direito e pretende continuar nessa área quando concluir o curso

Atuando como conciliadora do Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos e Cidadania (Cejusc), da Justiça Federal na Paraíba (JFPB), a estudante Juliana Martins vem se destacando na área. A jovem de 21 anos conquistou dois prêmios, um nacional e outro internacional, todos relacionados à conciliação. Ela irá concluir o curso de Direito, pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em julho do próximo ano, e planeja seguir nessa área.

Juliana faz parte do Cejusc desde a implantação do núcleo, em janeiro deste ano, e ressalta a importância do serviço para a população. “É muito bom saber que podemos facilitar acordos e evitar que os casos se transformem em processos mais longos” disse. “Fico feliz ao ver que muitas pessoas chegam angustiadas e mudam de comportamento depois que começamos a mediar as ações”, complementou a jovem, que além de atuar como conciliadora do Cejusc, estagia na 7ª Vara Federal.

Reconhecimento

Um dos prêmios conquistados por Juliana Martins foi o “Conciliar é Legal”, realizado no ano passado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Ela obteve o primeiro lugar na categoria universitária, pelo trabalho desenvolvido no Núcleo de Extensão e Pesquisa em Mediação de Conflitos (Mediac), da UFPB.  

Ainda em 2016, a estagiária da JFPB participou do II Torneio Internacional de Mediação, em Pernambuco, evento organizado pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), em parceria com a ESMATRA VI e a International Academy of Dispute Resolutions (INADR). Juliana concorreu com estudantes de diversas universidades e foi premiada como a melhor mediadora na categoria individual, entre os mais de 90 competidores, e ganhou uma bolsa de pós-graduação.

Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br


 Imprimir