Justiça Federal na Paraíba adere à campanha “Setembro Amarelo”

04/09/2018 às 15:08

Durante todo o mês, ações educativas de prevenção ao suicídio serão realizadas pelo órgão

A Justiça Federal na Paraíba (JFPB) aderiu à campanha “Setembro Amarelo”, que objetiva alertar a sociedade para a prevenção ao suicídio. Durante todo este mês, a fachada da sede da Seção Judiciária paraibana, em João Pessoa, e da Subseção Judiciária de Campina Grande ficarão iluminadas com a cor da campanha. Além disso, nas redes sociais da JFPB, serão realizadas ações educativas relacionadas ao tema.

 De acordo com o diretor do Foro, juiz federal Bruno Teixeira, é preciso trabalhar, cada vez mais, essa temática para que todos saibam como se prevenir. "Esse é um debate que deve ser mais estimulado pelos diferentes setores da sociedade. É preciso fazer circular, de modo global, informações a esse respeito com pacientes, familiares e população em geral, por se tratar de uma questão de saúde pública", ressaltou.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 90% dos suicídios poderiam ser evitados com a prevenção de situações estressantes e fatores como alcoolismo, ansiedade e síndrome do pânico, que podem levar a um quadro depressivo. O aconselhamento profissional é um dos primeiros passos para o tratamento da depressão e, consequentemente, para se evitar o suicídio.

A campanha “Setembro Amarelo” é uma ação do Centro de Valorização da Vida (CVV), do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br


 Imprimir