Novos conciliadores do Cejusc da JFPB participam de curso de formação

22/10/2019 às 10:27

Os novatos receberão 40 horas-aula até a próxima sexta-feira, no edifício-sede do órgão, em João Pessoa

 

         Os 15 novos integrantes do Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos e Cidadania (Cejusc), da Justiça Federal em João Pessoa, participam, até a próxima sexta-feira (25), no Salão Nobre do edifício-sede, do Curso de Formação de Conciliadores (parte teórica), que tem 40 horas-aula sob a responsabilidade do Conselho da Justiça Federal (CJF), na modalidade EaD. O grupo foi selecionado pelo Centro de Conciliação em 2016, processo que foi prorrogado até outubro de 2020, visando a atender às demandas do setor.  

         “É com grande satisfação que recebemos os novos conciliadores do Cejusc, que chegam para dar continuidade à dedicação e ao profissionalismo da equipe que desempenha um papel tão importante para a solução dos conflitos”, declarou a coordenadora do Centro, juíza federal Adriana Carneiro da Cunha, recém-nomeada para a função, em substituição ao magistrado Bruno Teixeira de Paiva. 

         Wagner da Silva Torres é um dos novatos da equipe e revela que, desde 2016, aguardava com ansiedade uma convocação. “Eu sempre sonhei com essa possibilidade, porque acredito que a conciliação é uma das áreas mais importantes do Judiciário atualmente. Isso porque trabalha com o propósito de evitar um processo judicial ou dar celeridade às ações que já existem”, disse. 

Depois da parte teórica, Wagner e os demais conciliadores participarão do estágio supervisionado, com carga horária de 60 horas-aula, ao tempo em que deverão tomar posse na referida função, ocorrência prevista para o início da Semana Nacional de Conciliação 2019, que acontecerá no período de 04 a 08/11.

         Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br


 Imprimir