JFPB participa de evento com temas de destaque na área de Gestão de Pessoas

19/11/2019 às 18:14

Encontro com as Bases é realizado pelo Conselho da Justiça Federal, em Brasília

 

         Importantes temas da área de Gestão de Pessoas estiveram em pauta, nesses dias 18 e 19, no segundo Encontro com as Bases com foco em Gestão de Pessoas, promovido pelo Conselho da Justiça Federal (CJF), em Brasília. O evento reúne representantes dos Tribunais Regionais Federais (TRFs) e de Seções Judiciárias de todo o país, incluindo o diretor do Núcleo de Gestão de Pessoas da Justiça Federal na Paraíba (JFPB), André Ricardo Viana Freire.

         Na abertura do evento, Alexandre Fagundes, diretor-executivo de Administração e de Gestão de Pessoas (interino) do CJF, destacou o dinamismo e as iniciativas da atual gestão em prol da desburocratização dos trabalhos. Ao pontuar as ações do Conselho, informou que, em breve, deve ser implementado um projeto piloto que inovará o Sistema de Gestão de Recursos Humanos (SGRH), disponibilizado pelo TSE e utilizado pelo CJF desde 2013. “Estamos com tratativas com a Justiça do Trabalho para substituir o sistema pelo SIGEP, que nada mais é que o próprio SGRH do TSE com algumas melhorias e alterações na linguagem, o que vai tornar a operação e a manutenção do sistema mais simples”, explicou o diretor.

         Entre outros informes, Fagundes ainda inteirou os participantes sobre as mudanças que se avizinham na área de Tecnologia da Informação. "Há pouco mais de um mês, foi finalizada a licitação que trata da computação em nuvem para toda a Justiça Federal. As mudanças em TI serão efetivadas nos primeiros meses de 2020", afirmou. 

         Em seguida, a secretária de Gestão de Pessoas, Rose Marie, ressaltou a necessidade do trabalho conjunto entre o Conselho e os TRFs no que se refere a temas relevantes em gestão de pessoas, a fim de que seja conhecida particularidades de cada unidade da Justiça Federal.  A SGP compilou temas relevantes no que tange à Gestão de Pessoas com base nas dúvidas encaminhadas pelos Tribunais Posteriormente, serão formados Fóruns de Discussão no ambiente virtual do Programa de Desburocratização e Simplificação da Justiça Federal (FLUI JF). Os resultados dos debates nestes grupos vão instrumentalizar um processo que será apreciado pelo CJF, a fim de que sejam uniformizadas as orientações sobre gestão de pessoas para todos os TRFs.  

Carteira Funcional

         O CJF promoveu ainda uma videoconferência entre a Casa da Moeda e os representantes dos TRFs para tratar da emissão das carteiras funcionais. Dúvidas sobre o padrão das fotografias e das assinaturas digitais foram esclarecidas. Até sexta-feira (22), os TRFs devem encaminhar duas amostras de fotografias feitas no âmbito do tribunal e outras duas de cada uma de suas seções judiciárias à Casa da Moeda, a fim de que seja verificada a adequação da imagem.   

         Com base na resposta da Casa da Moeda, CJF e TRFs têm até o dia 29 de novembro para encaminhar todas as fotografias e assinaturas via sistema web, que será criado pela Casa da Moeda. É importante observar que todos estão chamados a cumprir o prazo, a fim de que seja confeccionado o número máximo de carteiras funcionais dentro do orçamento deste ano.

Com informações do CJF

Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br

 


 Imprimir